Histórico:

- 17/05/2009 a 23/05/2009
- 15/03/2009 a 21/03/2009
- 15/02/2009 a 21/02/2009
- 11/01/2009 a 17/01/2009
- 14/12/2008 a 20/12/2008
- 16/11/2008 a 22/11/2008
- 26/10/2008 a 01/11/2008
- 12/10/2008 a 18/10/2008
- 05/10/2008 a 11/10/2008
- 28/09/2008 a 04/10/2008
- 21/09/2008 a 27/09/2008
- 14/09/2008 a 20/09/2008
- 31/08/2008 a 06/09/2008
- 10/08/2008 a 16/08/2008
- 20/07/2008 a 26/07/2008
- 06/07/2008 a 12/07/2008
- 29/06/2008 a 05/07/2008
- 15/06/2008 a 21/06/2008
- 08/06/2008 a 14/06/2008



Outros sites:

- UOL - O melhor conteúdo
- BOL - E-mail grátis
- Mary (Fadas e Contos)


Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Contador:

Código html:
Cristiny On Line



Anjo de Luz

Hoje eu estava aqui no meu canto, pensando na vida, quando resolvi conversar com aquele amigo que está sempre a nosso lado o Anjo da Guarda:

- Meu querido e amado Anjo, como é a vida ai em cima?

Respondeu - me, o Anjo:

- Querido amigo sonhador, quem foi que te disse, que vivo aqui em cima?

 

- Mas, Anjos não vivem no céu, ao lado de Deus?

 

- Sim? Os Anjos de luzes vivem no céu ao lado de Deus, mas eu sou um Anjo da Guarda, e Anjos da Guarda, vivem ao lado de quem nós protegemos.

 

- Hum, então tu caminhas lado a lado comigo, nas minhas aventuras, no meu dia-a-dia?

 

- Exatamente, eu não descuido um só segundo da tua vida, dos teus afazeres, vivo iluminando o teu caminho, estou sempre a tua frente, preparando a tua chegada, desviando você dos perigos que ora, estejam em sua passagem.

 

- E como é o meu dia-a-dia, dou - lhe, muito trabalho?

 

- Meu caro amigo, desde que, foi me dada esta missão, procuro cumprir a risca todos os ensinamentos do mestre, para proteger - te, das horas difíceis, dos momentos alegres, tristes, de sua louca vida de aventuras e

quando recolhes para o teu sono, ainda dou - lhe, um beijo em seu coração, sem que uma palavra sua, venha-me, agradecer.

 

- Mas, meu amado Anjo, todas as noites quando eu vou deitar-me, faço minhas orações aos céus, agradecendo a graça recebida, por ter respirado em mais um dia.

 

- É Verdade, tu agradece aos céus, mas, esquece-se de que eu não vivo lá, vivo aqui, o agora, ao teu lado.

 

- Como faço então, para agradecê-lo?

 

- Simples... feche os olhos e diga: "Meu Anjo da Guarda, fazei com que eu não sofra nenhum tipo de ameaça, protege-me, dos ciúmes e dos olhos do mal, amém.

 

- Meu amado Anjo, só mais uma pergunta: quando um Anjo da Guarda, passa a ser um Anjo de luz?

 

- Quando você meu amigo, subires aos céus, eu serei o teu Anjo de Luz.



- Postado por: Ju às 00h30
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Bem aventurada a mulher que cuida do próprio perfil interior e exterior, porque a harmonia da pessoa faz mais bela a convivência humana.Bem aventurada a mulher que, ao lado do homem, exercita a própria insubstituível responsabilidade na família, na sociedade, na história e no universo inteiro.Bem aventurada a mulher chamada a transmitir e a guardar a vida de maneira humilde e grande.Bem aventurada quando nela e ao redor dela acolhe faz crescer e protege a vida.Bem aventurada a mulher que põe a inteligência, a sensibilidade e a cultura a serviço dela, onde ela venha a ser diminuída ou deturpada.Bem aventurada a mulher que se empenha em promover um mundo mais justo e mais humano.Bem aventurada a mulher que, em seu caminho, encontra Cristo: escuta-O, acolhe-O, segue-O, como tantas mulheres do evangelho, e se deixa iluminar por Ele na opção de vida.Bem aventurada a mulher que, dia após dia, com pequenos gestos, com palavras e atenções que nascem do coração, traça sendas de esperança para a humanidade.



- Postado por: Ju às 22h24
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Viva com determinação

A vida melhora imensamente quando você pára de deixar as coisas acontecerem e passa a fazer as coisas acontecerem. 

Ao invés de ser uma vítima, seja alguém que faz.  

Ao invés de procurar alguém para culpar, procure pelo que você pode fazer. Ao invés de perguntar:  

"Por que isso aconteceu comigo?", pergunte "O que posso fazer?"  

Estabeleça suas prioridades e concentre-se em seus objetivos.  

Nenhuma situação pode lhe derrotar quando você vive com determinação. As coisas que lhe acontecem têm uma importância menor ao lado do que você pode fazer com elas.  

Seu senso de direção, seu foco, seu comprometimento e ação eficaz guiarão você em qualquer situação, não importa o que aconteça.  

Seja responsável – nos seus pensamentos, suas palavras, suas crenças, suas ações – pelas coisas que acontecem, e elas serão muito mais ao seu gosto. Faça a vida acontecer e ela acontecerá para você também. 

 

Autor desconhecido



- Postado por: Ju às 20h42
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




 

Podemos acreditar que tudo que a vida nos oferecerá no futuro é repetir o que fizemos ontem e hoje. Mas, se prestarmos atenção, vamos nos dar conta de que nenhum dia é igual a outro. Cada manhã traz uma benção escondida; uma benção que só serve para esse dia e que não se pode guardar nem desaproveitar.Se não usamos este milagre hoje, ele vai se perder.Este milagre está nos detalhes do cotidiano; é preciso viver cada minuto porque ali encontramos a saída de nossas confusões, a alegria de nossos bons momentos, a pista correta para a decisão que tomaremos.Nunca podemos deixar que cada dia pareça igual ao anterior porque todos os dias são diferentes, porque estamos em constante processo de mudança. 

Paulo Coelho



- Postado por: Ju às 15h47
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Oração de Natal

Senhor, nesta Noite Santa, depositamos diante de Tua manjedoura todos os sonhos, todas as lágrimas e esperanças contidos em nossos corações. Pedimos por aqueles que choram sem ter quem lhes enxugue uma lágrima.Por aqueles que gemem sem ter quem escute seu clamor.Suplicamos por aqueles que Te buscam sem saber ao certo onde Te encontrar.Para tantos que gritam paz, quando nada mais podem gritar.Abençoa, Jesus-Menino, cada pessoa do planeta Terra, colocando em seu coração um pouco da luz eterna que vieste acender na noite escura de nossa fé.Fica conosco, Senhor! Assim seja!



- Postado por: Ju às 21h49
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Viver não dói

Definitivo, como tudo o que é simples.

Nossa dor não advém das coisas vividas,

mas das coisas que foram sonhadas

e não se cumpriram.

Por que sofremos tanto por amor?

 

O certo seria a gente não sofrer,

apenas agradecer por termos conhecido

uma pessoa tão bacana,

que gerou em nós um sentimento intenso

e que nos fez companhia por um tempo razoável,

um tempo feliz.

Sofremos por quê?

 

Porque automaticamente esquecemos

o que foi desfrutado e passamos a sofrer

pelas nossas projeções irrealizadas,

por todas as cidades que gostaríamos

de ter conhecido ao lado do nosso amor

e não conhecemos,

por todos os filhos que

gostaríamos de ter tido junto e não tivemos,

por todos os shows e livros e silêncios

que gostaríamos de ter compartilhado,

e não compartilhamos.

Por todos os beijos cancelados,

pela eternidade.

 

Sofremos não porque

nosso trabalho é desgastante e paga pouco,

mas por todas as horas livres

que deixamos de ter para ir ao cinema,

para conversar com um amigo,

para nadar, para namorar.

 

Sofremos não porque nossa mãe

é impaciente conosco,

mas por todos os momentos em que

poderíamos estar confidenciando a ela

nossas mais profundas angústias

se ela estivesse interessada

em nos compreender.

Sofremos não porque nosso time perdeu,

mas pela euforia sufocada.

 

Sofremos não porque envelhecemos,

mas porque o futuro está sendo

confiscado de nós,

impedindo assim que mil aventuras

nos aconteçam,

todas aquelas com as quais sonhamos e

nunca chegamos a experimentar.

Como aliviar a dor do que não foi vivido?

A resposta é simples como um verso:

Se iludindo menos e vivendo mais!!

 

A cada dia que vivo,

mais me convenço de que o

desperdício da vida

está no amor que não damos,

nas forças que não usamos,

na prudência egoísta que nada arrisca,

e que, esquivando-se do sofrimento,

perdemos também a felicidade..

 

A dor é inevitável.

O sofrimento é opcional.

 

Carlos Drummond de Andrade



- Postado por: Ju às 15h30
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando... Porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive, já morreu...

 

Luiz Fernando Veríssimo



- Postado por: Ju às 19h46
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Antes de Henry Ford, criador da indústria automobilística moderna e da linha de produção, todos os fabricantes de carros achavam que não poderiam fabricar veículos baratos em série, que não poderiam ganhar dinheiro assim, que não poderiam fazer suas indústrias crescerem. Era uma "fantasia", uma crença limitadora na qual todos apostavam. Ford tinha uma fantasia diferente, uma crença libertadora de que ele poderia vender carros mais baratos, poderia ganhar dinheiro, poderia fazer sua indústria crescer. E ficou multimilionário por acreditar nisso, e agir para isso dar certo, levando os concorrentes arrogantes à falência e vendendo carros para os próprios funcionários e suas famílias -- o que todos diziam ser impossível.Quando acreditamos em alguma coisa, não importa se tal coisa é real ou não, nos comportamos com base na crença, jamais com base na realidade. Isso acontece porque nosso cérebro procura "provas" para tudo aquilo em que acreditamos, ou somos ensinados a acreditar. A maioria das vezes são provas circunstanciais e racionalizações sem lastro, mas para nós são provas incontestáveis da realidade

e, portanto, não vemos tais coisas como "crença", mas como fatos -- embora não o sejam.Assim, se você acredita que pode fazer algo, ser algo, viver algo, sentir algo,ter algo, sua mente obedecerá e buscará este "algo" sem questionar porque pensará que isso é a realidade. Mas se você acredita que não pode fazer algo, não pode viver algo, não pode sentir algo ou não pode ter algo, sua mente também obedecerá sem questionar, por entender que essa é a sua realidade, por achar que suas limitações são externas à você. Claro que você não notará, mas sua mente sabotará qualquer coisa que vá contra aquilo em você acredita.Acreditar é uma bênção ou um pesadelo. A maioria das pessoas acredita em

"crenças limitadoras". Acreditam que não podem aprender uma matéria na escola ou uma nova função na empresa (pensam que não são

inteligentes, jovens, bonitos, ricos... o bastante), acreditam que não podem encontrar um amor de verdade (pensam que não merecem, não sabem ou não existe tal amor), acreditam que não podem ganhar dinheiro (pensam que dinheiro é algo errado ou que é pecado ter), acreditam que não podem fazer nada para ajudar outras pessoas (pensam que são muito frágeis ou pobres para fazer qualquer mudança no mundo), acreditam que não conseguirão vender mais (acreditam que vender é empurrar algo que alguém não deseja ou não precisa)... e assim por

diante. Pensam que estão analisando a realidade, quando na verdade apenas reagem àquilo em que acreditam.Então, se acreditamos que podemos fazer algo, a realidade não importa? Claro que importa. Acreditar que você pode bater asas não muda as leis da física e você cairá como uma pedra, mas por que aceitar uma crença limitadora quando podemos adotar uma crença libertadora? É comum escutar: nem sempre o otimismo ajuda, mas o pessimismo sempre atrapalha. Quando temos crenças libertadoras,nosso limite é a realidade. Quando temos crenças limitadoras,

nosso limite é nossa própria crença. Aleijadinho acreditava que podia esculpir, mesmo sem as mãos. Beethoven acreditava que podia compor, mesmo surdo. Cora Coralina acreditava que podia escrever poesias, mesmo sem "ser estudada". Eles tinham crenças libertadoras. Você não é aquilo que acredita ser ou que disseram que você é. Você é muito mais. Entre duas crenças, escolha sempre aquela que liberta você para ser uma pessoa melhor, mais feliz, mais completa e mais realizada. Pode até ser que sua crença libertadora não seja real, mas você só saberá disso se testá-la. Escolha seus pensamentos e crenças com cuidado, porque você terá que obedecer tais pensamentos e crenças por toda a sua vida.

 

Aldo Novak



- Postado por: Ju às 00h18
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Olá amigos, hoje trago tags e uma nova página, a de Mascotinhos e também 2 novos templates. Beijos e até a próxima.



- Postado por: Ju às 22h25
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Não acredite em algo simplesmente porque ouviu. Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito. Não acredite em algo simplesmente porque esta escrito em seus livros religiosos. Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade. Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração. Mas depois de muita análise e observação, se você vê que algo concorda com a razão, e que conduz ao bem e beneficio de todos, aceite-o e viva-o.

 

Buda



- Postado por: Ju às 20h40
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Agir e Acreditar...

Um viajante caminhava pelas margens de um grande lago de águas cristalinas e imaginava uma forma de chegar até o outro lado, onde era seu destino.Suspirou profundamente enquanto tentava fixar o olhar no horizonte. A voz de um homem de cabelos brancos quebrou o silêncio momentâneo, oferecendo-se para transportá-lo. Era um barqueiro.O pequeno barco envelhecido, no qual a travessia seria realizada, era provido de dois remos de madeira de carvalho. O viajante olhou detidamente e percebeu o que pareciam ser letras em cada remo. Ao colocar os pés empoeirados dentro do barco, observou que eram mesmo duas palavras. Num dos remos estava entalhada a palavra acreditar e no outro agir.Não podendo conter a curiosidade, perguntou a razão daqueles nomes originais dados aos remos.O barqueiro pegou o remo, no qual estava escrito acreditar, e remou com toda força. O barco, então, começou a dar voltas sem sair do lugar em que estava. Em seguida, pegou o remo em que estava escrito agir e remou com todo vigor. Novamente o barco girou em sentido oposto, sem ir adiante.Finalmente, o velho barqueiro, segurando os dois remos, movimentou-os ao mesmo tempo e o barco, impulsionado por ambos os lados, navegou através das águas do lago, chegando calmamente à outra margem.Então o barqueiro disse ao viajante:- Este barco pode ser chamado de autoconfiança. E a margem é a meta que desejamos atingir.- Para que o barco da autoconfiança navegue seguro e alcance a meta pretendida, é preciso que utilizemos os dois remos ao mesmo tempo e com a mesma intensidade: agir e acreditar.Não basta apenas acreditar, senão o barco ficará rodando em círculos, é preciso também agir para movimentá-lo na direção que nos levará a alcançar a nossa meta.Agir e acreditar. Impulsionar os remos com força e com vontade, superando as ondas e os vendavais e não esquecer que, por vezes, é preciso remar contra a maré.Gandhi tinha uma meta: libertar seu povo do jugo inglês. Tinha também uma estratégia: a não violência.Sua autoconfiança foi tanta que atingiu a sua meta sem derramamento de sangue. Ele não só acreditou que era possível, mas também agiu com segurança.Madre Teresa também tinha uma meta: socorrer os pobres abandonados de Calcutá. Acreditou, agiu, e superou a meta inicial, socorrendo pobres do mundo inteiro.Albert Schweitzer traçou sua meta e chegou lá. Deixou o conforto da cidade grande e se embrenhou na selva da África francesa para atender os nativos, no mais completo anonimato.Como estes, teríamos outros tantos exemplos de homens e mulheres que não só acreditaram, mas que tornaram realidade seus planos de felicidade e redenção particular.

E você? Está remando com firmeza para atingir a meta a que se propôs?

Se o barco da sua autoconfiança está parado no meio do caminho ou andando em círculos, é hora de tomar uma decisão e impulsioná-lo com força e com vontade.

Lembre que só você poderá acioná-lo utilizando-se dos dois remos: agir e acreditar.



- Postado por: Ju às 00h09
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Eu sei que a gente se acostuma.Mas não devia.

A gente se acostuma a morar em apartamento de fundos e a não ter outra vista que não as janelas ao redor. E porque não tem vista, logo se acostuma a não olhar para fora. E porque não olha para fora, logo se acostuma a não abrir de todo as cortinas. E porque não abre as cortinas, logo se acostuma a acender mais cedo a luz. E porque à medida que se acostuma, esquece o sol, esquece o ar, esquece a amplidão.A gente se acostuma a acordar de manhã, sobressaltado porque está na hora.A tomar café correndo porque está atrasado. A ler jornal no ônibus porque não pode perder o tempo da viagem. A comer sanduíches porque já é noite. A cochilar no ônibus porque está cansado. A deitar cedo e dormir pesado sem ter vivido o dia. A gente se acostuma a abrir a janela e a ler sobre a guerra. E aceitando a guerra, aceita os mortos e que haja números para os mortos. E aceitando os números, aceita não acreditar nas negociações de paz. E aceitando as negociações de paz, aceitar ler todo dia de guerra, dos números da longa duração. A gente se acostuma a esperar o dia inteiro e ouvir no telefone: hoje não posso ir. A sorrir para as pessoas sem receber um sorriso de volta. A ser ignorado quando precisava tanto ser visto. A gente se acostuma a pagar por tudo o que deseja e o que necessita. E a lutar para ganhar o dinheiro com que paga. E a ganhar menos do que precisa. E a fazer fila para pagar. E a pagar mais do que as coisas valem. E a saber que cada vez pagará mais. E a procurar mais trabalho, para ganhar mais dinheiro, para ter com o que pagar nas filas em que se cobra.A gente se acostuma a andar na rua e ver cartazes, a abrir as revistas e ver anúncios. A ligar a televisão e assistir a comerciais. A ir ao cinema, a engolir publicidade. A ser instigado, conduzido, desnorteado, lançado na infindável catarata dos produtos.A gente se acostuma à poluição. À luz artificial de ligeiro tremor. Ao choque que os olhos levam na luz natural. Às besteiras das músicas, às bactérias da água potável. À contaminação da água do mar. À luta. À lenta morte dos rios. E se acostuma a não ouvir passarinhos, a não colher frutas do pé, a não ter sequer uma planta.A gente se acostuma a coisas demais, para não sofrer. Em doses pequenas, tentando não perceber, vai afastando uma dor aqui, um ressentimento ali, uma revolta acolá. Se o cinema está cheio, a gente senta na primeira fila e torce um pouco o pescoço. Se a praia está contaminada, a gente só molha os pés e sua no resto do corpo. Se o trabalho está duro, a gente se consola pensando no fim de semana. E se no fim de semana não há muito o que fazer, a gente vai dormir cedo e ainda satisfeito porque tem sono atrasado. A gente se acostuma para não se ralar na aspereza, para preservar a pele.Se acostuma para evitar feridas, sangramentos, para esquivar-se da faca e da baioneta, para poupar o peito.A gente se acostuma para poupar a vida.Que aos poucos se gasta, e que, de tanto acostumar, se perde de si mesma.

 

Marina Colasanti



- Postado por: Ju às 22h29
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Olá amigos!

Mude, mas comece devagar,

porque a direção é mais importante

que a velocidade.

Sente-se em outra cadeira, no outro lado da mesa.

Mais tarde,mude de mesa.

Quando sair, procure andar pelo outro lado da rua.

Depois, mude de caminho,

ande por outras ruas,calmamente,

observando com atenção os lugares por onde você passa.

Tome outros ônibus.

Mude por uns tempos o estilo das roupas.

Dê os teus sapatos velhos.

Procure andar descalço alguns dias.

Tire uma tarde inteira para passear livremente na praia ou no parque,

e ouvir o canto dos passarinhos.

Veja o mundo de outras perspectivas.

Abra e feche as gavetas e portas com a mão esquerda.

Durma no outro lado da cama... depois, procure dormir em outras camas.

Assista a outros programas de tv,

compre outros jornais... leia outros livros,

Viva outros romances.Não faça do hábito um estilo de vida.

Ame a novidade.

Durma mais tarde.

Durma mais cedo.

Aprenda uma palavra nova por dia numa outra língua.

Corrija a postura.

Coma um pouco menos, escolha comidas diferentes,

novos temperos, novas cores, novas delícias.

Tente o novo todo dia.

o novo lado,

o novo método,

o novo sabor,

o novo jeito,

o novo prazer,

o novo amor.

a nova vida.

Tente.

Busque novos amigos.

Tente novos amores.

Faça novas relações.

Almoce em outros locais, vá a outros restaurantes,

tome outro tipo de bebida, compre pão em outra padaria.

Almoce mais cedo, jante mais tarde ou vice-versa.

Escolha outro mercado...

outra marca de sabonete,

outro creme dental...tome banho em novos horários.

Use canetas de outras cores.

Vá passear em outros lugares.

Ame muito, cada vez mais,

de modos diferentes.

Troque de bolsa, de carteira, de malas,

troque de carro, compre novos óculos,

escreva outras poesias.

Jogue os velhos relógios,

quebre delicadamente esses horrorosos despertadores.

Vá a outros cinemas, outros cabeleireiros,

outros teatros, visite novos museus.

Se você não encontrar razões para ser livre,

invente-as. Seja criativo.

E aproveite para fazer uma viagem despretensiosa,

longa, se possível sem destino.

Experimente coisas novas.

Troque novamente.

Mude, de novo.

Experimente outra vez.

Você certamente conhecerá coisas melhores

e coisas piores do que as já conhecidas,

mas não é isso o que importa.

O mais importante é a mudança,

o movimento, o dinamismo, a energia.

Só o que está morto não muda!

Repito por pura alegria de viver:

a salvação é pelo risco, sem o qual a vida não vale a pena!!!

 

Clarice Lispector

 

 

Amigos, quero aproveitar e dizer que em breve estarei com novas criações. Estou pensando em gifs e imagens diferentes no momento. Por enquanto novas tags e templates vem sendo adicionados. Logo adicionarei a nova página que está pronta, inclusive, de modelos de sites.

 

 Quero agradecer à amiga Rosa Azul pelo Site Encantos de Ju ser destaque em seu blog. Obrigada pelo selo, Rosa.

 

 

Beijos e até a proxima!



- Postado por: Ju às 21h47
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Linda mensagem

O Castiçal

 

Tagil era um homem pobre. Jardineiro, ganhava a vida no trabalho diário com flores e plantas.Certo dia, ele se dirigia para casa quando encontrou no caminho um homem prestes a ser assaltado.De alma nobre e ânimo valente, logo foi em socorro do desconhecido. Graças à sua interferência os dois ladrões fugiram sem causar maiores danos físicos.Reconhecido, o quase assaltado resolveu premiar o seu salvador. Por ser um rico mercador e possuir muitas e ricas peças, tomou de uma caixa amarela de couro lavrado e a deu ao jardineiro.Tagil foi rápido para casa. Mal podia conter sua curiosidade. O que será que lhe teria dado o rico senhor? Como a caixa pesasse ele pensou que poderiam ser muitas moedas de prata. Ao abrir a caixa para conhecer as preciosidades que ela devia conter, ficou desiludido.Era somente um castiçal. Um castiçal de metal escuro e pesado.Tagil ficou muito aborrecido. Afinal, arriscara a vida lutando contra os salteadores da estrada e ao final, somente ganhara aquilo.O que ele faria com um castiçal?Convencido do desvalor do presente, ele atirou o castiçal a um canto. Abandonado, o objeto ficou rolando pela casa.Toda vez que o jardineiro colocava sobre ele os olhos, mais se amargurava lembrando do episódio.Descuidadamente, o castiçal caiu no terreiro e ficou ao relento alguns dias. De outra feita, serviu de calço para um móvel partido. Até como martelo foi utilizado pelo seu dono.Como as dificuldades da vida de Tagil se avolumassem, ele precisou sair daquela casa e foi morar em outras paragens. Levou consigo quase tudo que possuía. Mas deixou sobre a mesa suja, o castiçal. Afinal, era uma coisa imprestável!Ora, aconteceu que na casa deixada por Tagil, veio morar um músico.Descobrindo o castiçal em desleixo, teve logo a impressão de que deveria ser uma peça curiosa.Tirou-lhe o pó e livrou-o das manchas que o recobriam. Viu então que na base da peça haviam várias figuras. Um belo navio, que parecia vencer as ondas e uma bailarina graciosa que dava a impressão de dançar no meio de um lindo jardim.Virando um pouco a peça, descobriu ainda um majestoso templo com torres apontadas para o céu. E, finalmente, um corcel negro a galopar sobre uma montanha de nuvens.Quanta beleza! Imaginou logo o músico que o castiçal deveria ser uma preciosidade. Tratou de mostrá-lo a várias pessoas, até conseguir que um rico colecionador de peças raras o comprasse, por uma fortuna incalculável.O que nas mãos de Tagil era uma peça inútil se transformou em uma verdadeira preciosidade aos olhos inteligentes de Leonardo.Quantas pessoas existem no mundo que, à semelhança do jardineiro, possuem ao seu lado tesouros incalculáveis mas cujos olhos não se apercebem do que os rodeia.A peça preciosa que Deus depositou nas nossas mãos pode ser uma esposa dedicada, uma mãe extremosa, um filho, pais dedicados.Haverá tesouro maior que o dos afetos que abençoam uma vida, enchendo-a de alegrias?Aproveite ao máximo os tesouros do tempo e da oportunidade, valorizando o conhecimento pela sua bem dirigida aplicação.



- Postado por: Ju às 20h18
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Tenha sempre um sonho,

e tente esquecer os dias nublados e sombrios,

mas não se esqueça nunca das horas de sol,

nem das noites de estrelas...

 

Esqueça os momentos em que houve derrotas,

mas nunca se esqueça das batalhas que já tenha ganho...

 

Esqueça os erros que não pode evitar,

mas não se esqueça das lições que tenha aprendido com eles,e nem o que eles possam ter ensinado...

 

Esqueça os dias em que a tristeza tenha batido em sua porta,mas nunca se esqueça dos sorrisos que tenha encontrado,e nem daqueles que ainda encontrará...

 

Esqueça os planos que lhe falharam,

porém, jamais deixe de sonhar...



- Postado por: Ju às 17h40
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________